Aprovado projeto para reconhecer e valorizar a capoeira

por Célia Ferreira publicado 01/12/2021 11h50, última modificação 01/12/2021 11h51

 

A Câmara de Cachoeiro aprovou por unanimidade nesta terça-feira (30) o Projeto de Lei 067/2021, do vereador Allan Ferreira (PODE), que cria a Comenda Mestre João Tobogã, destinada a homenagear os mestres e alunos que contribuem com atos e ações de relevância social para a prática, disseminação e aprendizado da capoeira no município.

“O objetivo dessa comenda é não apenas demostrar o reconhecimento aos praticantes de capoeira, mas também mostrar a importância de governos firmarem compromissos conjuntos para assegurar os direitos das crianças e adolescentes através de atividades culturais”, afirmou o vereador.

Em agosto, a aprovação do projeto foi defendida em plenário pelo representante da comunidade de capoeiristas de Cachoeiro Gutemberg Evangelista Guedes, que fez um breve relato sobre a história da capoeira no Espírito Santo e destacou a importância de Mestre João Tobogã. Segundo ele, o mestre foi um dos precursores da atividade em Cachoeiro e um dos criadores do Projeto Filhos da Princesa do Sul, juntamente com o saudoso Professor José Paineiras. “Aprovar essa comenda é homenagear todo o contexto histórico da capoeira em nosso estado”, defendeu.